Foto: Márcio/ Jornal Em Dia
news-details
Polícia

Operação do GOPI apreende grande quantidade de drogas

Uma operação do GOPI (Grupo de Operações Policiais Integradas), composto pelas Polícias Civil e Militar e Guarda Civil Municipal, apreendeu, na manhã dessa sexta-feira, 30, grande quantidade de entorpecentes no Residencial das Ilhas e também na Vila Aparecida.

Investigações da Polícia Civil, por meio da CPJ (Central de Polícia Judiciária), apontavam alguns indícios de armazenamento de armas e munições ilegais e tráfico de drogas em festas rave, na Represa Jaguari e na cidade. “A gente sabia que havia uma movimentação em cima disso”, contou ao Jornal Em Dia o delegado responsável pela operação, Sandro Montanari.

Foi durante as investigações que a polícia descobriu que, em uma garagem na Avenida Norte-Sul, na região da Vila Aparecida, ocorria o armazenamento de drogas. Com o apoio da Guarda Civil Municipal, por meio do Canil e da ROM (Rondas Ostensivas com Motocicletas), os policiais se dirigiram até o local e encontraram grande quantidade de cocaína e maconha. A droga estava na garagem e também escondida em uma moto Bis, que estava no mesmo endereço.

Outro local alvo da operação foi uma casa no Residencial das Ilhas, onde foram encontradas 27 caixas de lança perfume, totalizando 165 latas, volume que daria para fazer cerca de cinco mil frascos, segundo estimativa do delegado. Foram localizados também outros tipos de entorpecentes, como LSD, ecstasy e MD, uma droga nova no mercado, parecida com o ecstasy e usada de forma sublingual.

Ao todo, foram apreendidos na operação: 500 aricanduvas (saquinhos individuais de cocaína embalada a vácuo); 27 caixas de lança perfume; quatro tijolos de maconha pesando dois quilos; 15 gramas de MD; 1000 micropontos de LSD; 180 comprimidos de ecstasy; e 300 gramas de mistura.

Além disso, a polícia apreendeu duas motocicletas e um Jet ski e prendeu uma pessoa, apontada como o gerente do tráfico. Na ocasião, ainda foi identificado o patrão da atividade criminosa, que não se encontrava no local no momento da operação.

“Calculamos um prejuízo de mais ou menos R$ 100 mil para o tráfico e nossas investigações dão conta de que esse grupo abastecia o mercado de drogas da classe média alta da cidade”, explicou Sandro Montanari.

Você pode compartilhar essa notícia!

0 Comentários

Deixe um comentário


CAPTCHA Image
Reload Image