Foto: Dimp
news-details
Geral

Chamamento para implantação do Samu-Vet ocorre no dia 18

O edital prevê também a gestão compartilhada do Abrigo Municipal de Cães e Gatos

A Administração Jesus/Amauri lançou edital para a realização de chamamento público que objetiva implantar na cidade o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência Veterinário (Samu-Vet).

A iniciativa, ligada à Secretaria Municipal do Meio Ambiente, visa também a um programa de gestão compartilhada do Abrigo Municipal de Cães e Gatos e educação ambiental.

O edital prevê que o Abrigo Municipal passe a funcionar 24 horas para o monitoramento e acompanhamento dos animais abrigados no local e para o atendimento emergencial daqueles que forem resgatados pelo Samu-Vet.

O serviço poderá resgatar animais de rua, sem dono, doentes, feridos, machucados ou em situação de risco.

“O novo edital prevê melhorias significativas e atende propostas do nosso plano de governo, como o Samu-Vet, com resgates e atendimento emergencial aos animais. Ressaltamos que o termo de colaboração tem como objeto a gestão do Abrigo, o resgate dos animais de rua e programas de educação ambiental. O que pode gerar certa confusão na população e aproveitamos para esclarecer é que este edital não contempla o atendimento clínico à população com serviços veterinários gratuitos”, declarou o secretário municipal do Meio Ambiente, Alexandro de Souza Morais.

A Administração informou que também pretende desenvolver um programa continuado de educação ambiental que combata fortemente a prática de abandono dos animais, realizando uma constante política de incentivo à posse responsável.

Além disso, segue em licitação a implantação do Castra-móvel, um programa itinerante de castração de cães e gatos que oferecerá 150 vagas por mês, atendendo, prioritariamente, animais em situação de rua e famílias de baixa renda em diversos bairros, inclusive na zona rural.

A Prefeitura desenvolve, ainda, estudos técnicos e financeiros para a criação do Hospital Veterinário Público, que ofertará atendimento gratuito à população de baixa renda.

A sessão pública do chamamento público que visa a implantar o Samu-Vet acontecerá no dia 18, na Divisão de Licitações, Compras e Almoxarifado, e é destinada a Organizações da Sociedade Civil, sem fins lucrativos.

Atualmente, o Abrigo Municipal está sob a responsabilidade da Associação de Proteção aos Animais Faros d’Ajuda. O termo de colaboração assinado em setembro de 2018 venceu nessa sexta-feira, 4, e deve ser prorrogado até que o chamamento público mencionado seja concluído.

Você pode compartilhar essa notícia!

0 Comentários

Deixe um comentário


CAPTCHA Image
Reload Image